25/06/2015

Crianças da Comunidade do Sapo na Biblioteca de São Paulo (Arte-Educação-Proteção)


                                    Projeto "Conhecer para Preservar"




Biblioteca de São Paulo




 Na sessão cinema a criançada assistiu o filme Criando um amigo



Um bate-papo descontraído com a Dra Débora Rovigatti Benedetti, que levou pacotes de ração e explicou sobre a importância dos animais silvestres que não podem ser capturados, e devem ser respeitados e preservados em seu habitat natural.



Ex-aluno do MICA, Laion Castro, Professor de Português, falou sobre a importância da leitura.



A contadora de histórias, Alice Bandini, leu o livro "Cocô de dinossauro" da autora Diane de Christyan Fox, e tradução de Monica Stahel, que arrancou gargalhadas das crianças.





Os principais livros de atividades são os que contam histórias de animais de estimação.


                                      Hora do almoço





As crianças leram os seguintes livros:
"Animal de estimação não é brinquedo não" - Tyane Maia - Fortaleza - Ceará

"Izabella, uma gata que pensa que é gente" - Ivana Maria França Neri - Piracicaba - São Paulo

" Caos, o cachorro" - Thatyana Viana - Rio de Janeiro - RJ


Após a leitura, vamos saber qual a opinião dos leitores sobre os livros.
Primeiro um rascunho e depois uma carta com letra bem bonita para as autoras.







E o livro foi para casa, para ser lido para a família, vizinhos, amigos e todos que quiserem conhecer as histórias.

Houve um sorteio de livros doados pelas autoras de literatura infantil

Elza Ghetti Zerbatto 


Luiza Trabbold




Anne Lieri



E para completar livros de contos de fadas e aventuras para levar para casa.
As crianças vão lê-los, escrever uma carta, dizendo sua opinião sobre a história.
Ao recebermos uma cartinha, todos receberão uma caixa de lápis de cor.



Atividades lúdicas com os monitores da Biblioteca de São Paulo



Hora de voltar para casa levando brindes, lanches para saborear com a família, ração para dar aos cachorrinhos e gatinhos, e cuidar deles com muito carinho, protegendo-os de todos riscos.




Agradecimento a todos que colaboraram para a realização destas atividades de Arte-Educação-Proteção


Parceria MICA e Marcelinho Protetor.
Você quer nos ajudar?
O Projeto "Conhecer para Preservar" realiza estas atividades e um Concurso Nacional de Arte.

Colabore e compartilhe com os amigos.

Clique no link:


Todas imagens  e informações, foram retiradas do blog do MICA com a autorização de sua proprietária com o único fim de divulgação.











18/06/2015

Apenas um gostoso abraço (prosa poética)











Há momentos em que tudo que se quer é apenas um abraço.
As palavras apenas atrapalhariam por confundirem demais.
Um abraço que quer dizer:
- Olha, você pode contar comigo.
- Está tudo bem, não chora.
- Estou aqui para te ajudar.
Sabe aquele abraço carinhoso, confortante e que aquece seu coração e alma?
Nada mais além do que um simples abraço.
Um gesto tão comum que serve tal qual um bálsamo o é para um ferimento.
Um ato tão delicado mostrando que o outro te compreende, mas não precisa ficar explicando isso.
Um toque onde a troca de energia e a própria doação, já é por si só uma retribuição recebida.
Tenha sensibilidade e perceba pois bem perto de você. alguém pode estar precisando de um gostoso abraço.


Elza Ghetti Zerbatto


Texto publicado em 30/05/2014 no Recanto das Letras


imagem: www.glimboo.com

Minha página no Recanto:


http://www.recantodasletras.com.br/autores/kunti

12/06/2015

O primeiro amor da Ursinha Rosinha









Rosinha é uma ursinha,
muito animada e bonitinha.
Adora pela floresta passear,
e pequenas flores cor-de-rosa apanhar.

Tem também outros amiguinhos bichinhos,
com quem gosta de brincar.

Alegre e distraída,
corre atrás das borboletas entretida,
tentando com suas patinhas as pegar.

Num dia gostoso e ensolarado,
junto com os amiguinhos ursinhos,
estava muito feliz a curtir,
os peixes que  na beira do rio estavam a subir.

De repente ao tentar,
um deles apanhar,
se desequilibrou,
e para dentro do rio escorregou.

Um belo urso vindo de outra floresta,
que estava por ali a viu cair,
e rapidamente na água entrou,
e foi ajudar Rosinha sair.

Rosinha tão surpresa e envergonhada ficou,
pois nunca ia imaginar,
que um urso de outro lugar,
iria aparecer para lhe auxiliar.

Quando olhou para o urso,
tão gentil e educado,
logo se apaixonou.

Ele muito delicado,
suas patas segurou,
e então perguntou:
-Você está bem ursinha?
- Sim, estou.
- Muito obrigado.

- Qual é o seu nome?
- Meu nome é Rosinha. E o seu?
- Sou Eduardo.
- Obrigado Eduardo por ter me ajudado.
Eduardo então sorriu e para a floresta partiu.

Rosinha muito triste ficou,
pois seu amado não mais voltou.

Cada vez que ia as flores apreciar,
sentava entre elas a sonhar,
com olhar distante e perdido,
e de saudades chegava a suspirar,
sonhando que um dia seu Eduardo querido,
pudesse voltar a reencontrar.

Eduardo, seu salvador,
foi seu doce e primeiro amor.


Elza Ghetti Zerbatto


Texto publicado em 11/06/2012 no Recanto das Letras

Imagem: www.ultradownloads.com.br



A todos amigos um feliz dia dos namorados

07/06/2015

Encantada Paranapiacaba






















Trilhos de trem


mata serrada


encantada Paranapiacaba


Elza Ghetti Zerbatto


Texto publicado em 01/06/2015 no Recanto das Letras

Imagens: www.baixaki.com.br

Última foto tirada por meu marido em frente a um dos velhos trens.


Para maiores informações acesse:

http://www.paranapiacabaecotur.com


Visitem minha página no Recanto das Letras:

http://www.recantodasletras.com.br/autores/kunti



Tribos encontradas em ônibus (crônica)

Tem gente que detesta andar de ônibus. Eu particularmente acho até divertido. Você encontra várias tribos misturadas, e ...