28/09/2016

A fadinha da tritonia










Jita é uma fadinha de cor alaranjada, que vive a perambular animadamente entre vasos, canteiros e jardins.
Um dia ela estava a visitar vasos de uma casa, e para sua surpresa a dona desta conseguiu a fotografar.
Jita era tímida e assustou-se com o flash da máquina.
Marina ficou impressionada ao ver a imagem de uma fada justamente na sua flor mais querida: a tritônia.
- Nossa como estão lindas minhas crianças! - pensou ela em voz alta.
- Minha tritônia que doçura!
- Não acredito que tem uma fada aqui!
Jita observou tudo, e entre um misto de curiosidade e vontade de se comunicar permitiu desta vez deixar-se novamente fotografar.
Marina resolveu outra vez a tritônia clicar, e para sua alegria a fadinha apareceu.
Ela pensou:
- Será que ela quer algo comigo?
E de repente sentiu ao seu lado direito, um ventinho suave e uma bolinha de luz alaranjada á sua frente.
- O que é isso?
Para sua surpresa Jita na sua direção ficou, e com ela falou:
- Olá!
Marina olhou para os lados, e e foi ver de onde vinha a voz.
- Olá!
- Quem está falando?
- Olá! - disse Jita.
- Olá! - disse Marina.
- Como é seu nome?
- Meu nome é Marina e o seu?
- Jita. Sou uma fada alaranjada.
- Não sabia que fadas falavam.
- Sim, nós falamos, mas só quem é sensível nos escuta. - disse Jita.
- Você é muito bonitinha! - disse Marina.
- Obrigada! - disse Jita.
- O que faz aqui em minha casa?
- Senti um cheiro gostoso vindo de seus vasos, e decidi dar uma olhada.
- Seja sempre bem-vinda fada amiga.
- Obrigada Marina.Parabéns por cuidar com tanto carinho de suas plantas.
- Ah! Eu amo minhas crianças e elas me fazem muito bem.
- É isso mesmo Marina.Todos nós precisamos respeitar, amar e cuidar da natureza e assim as fadas estarão sempre em alegria.
- Se depender de mim Jita, vocês serão eternamente felizes!
- Muito bom Marina. Agora preciso visitar outros jardins e também ajudar os que estão mais sequinhos.
- Vá minha querida e volte sempre que puder. Minha casa é sua também.
- Obrigada!
- Tchau!
- Tchau!
E uma nova amizade se iniciou, entre uma humana amante da natureza e o reino elemental.


Elza Ghetti Zerbatto

imagem: www.baixaki.com.br

19/09/2016

Viva a primavera (acróstico de flores)





                                          Agapanto








                                             Alamanda


                               




                                                  Prímula





      

Violeta
Íris
Vassourinha-de-botão
Alamanda

Agapanto

Prímula
Rosa
Ipê-amarelo
Margarida
Amor-perfeito
Verbena
Esporinha
Ranúnculo
Azulzinha


Elza Ghetti Zerbatto

E que seja bem-vinda a mais linda das estações que se inicia dia 22/09/ ás 11h21min!


Imagens retiradas do site baixaki

13/09/2016







CASA DE CULTURA TREMEMBÉ


CONVIDA PARA SEU TRADICIONAL SARAU LÍTERO MUSICAL
DIA 24 DE SETEMBRO DE 2016

HORÁRIO:17 ÀS 19 HORAS


VENHA MOSTRAR SEU TALENTO!


RUA MARIA AMÁLIA LOPES DE AZEVEDO 190

TREMEMBÉ-SÃO PAULO

(011) 2991- 42-91



Imagens pertencentes á Casa de Cultura Tremembé, e autorizadas somente para uso de divulgação neste blog.

09/09/2016

Minha participação na 24ª Bienal internacional do livro



Bom dia!
Aos amigos que aqui deixaram comentários e me incentivaram, seguem as fotos da Bienal de São Paulo em 30/08/2016.
Um momento alegre de reencontro de amigos e ampliar contatos.











          

Escritora Vera Valle e eu




           
     Viviane, amiga-irmã-incentivadora que fez esta linda moldura com carinho





 Fotos pessoais e que fazem parte de meu arquivo.
Qualquer cópia usada sem aviso prévio será denunciada aos órgãos competentes.

                           

Tímida lua cheia

Tímida lua cheia, brilha fortemente no céu. Porém ao se olhá-la se esconde, em pequenas nuvens, que a encobrem secreta...