07/10/2014

A fadinha da espada-de-São Jorge








Numa noite estrelada e quente quase de lua  cheia, Luna foi estender a toalha de banho no varal.
Para sua imensa surpresa, eis que aparece junto aos pés da espada-de-São Jorge, uma linda e alongada fadinha dançarina.
Luna pensou:
- Será mesmo uma fada?
- Ou estarei equivocada?
- Talvez seja apenas um bichinho de luz.
Mas para tirar uma decidida conclusão, a ligeira e graciosa fadinha resolveu, para ela dançar então.
Subiu e desceu, voando muito pertinho e depois deu um rápido rodopio, sumindo de sua visão.
Luna pensou:
- Abençoada seja fada amada!
- Obrigada pela sua visita inesperada.
A presença desta meiga amiguinha deixou Luna muito feliz, e em seu coração esse momento tão especial ficará para sempre guardado.


Elza Ghetti Zerbatto


Texto publicado em 12/09/2014 no Recanto das letras
imagem: www.glimboo.com

4 comentários:

  1. Em cada texto seu muita magia e imaginação, amei. bjs

    ResponderExcluir
  2. Que lindo,Kunti! Adorei! bjs, direto do aeroporto, no regresso dapraia! chica

    ResponderExcluir
  3. Que mimosa essa fadinha! Gostei demais! Bjs e um ótimo final de semana!

    ResponderExcluir
  4. Uma linda semana pra ti também! bjs, chica

    ResponderExcluir


Comentários edificantes são sempre bem-vindos!
Comente, deixe seu link, me siga e retribuirei sua gentileza.
Obrigado a todos.

A fada folha

   Uma fada disfarçada, de folha enrolada.   Fez de tudo para não ser notada, pela curiosa menina. Uma fada envergonhada, tímida po...